Mais um ano, mais um WWDC, o evento da Apple para programadores. Nesta edição, há novos Macs, novas versões de apps, sistemas operativos e até uma coluna inteligente da Apple.

WWDC 2017 – Ao Vivo – Youtube – Em Inglês (pode legendar)

IOS 11: MUITAS NOVIDADES PARA O IPAD, ALGUMAS PARA O IPHONE

“O maior lançamento para o iPad”.

Foi assim que se classificou a nova versão do iOS, o sistema operacional dos iPhone e iPad. No tablet, há novidades no multitasking com uma nova Dock (ao estilo do macOS) com espaço para mais aplicações e aplicações recomendadas. Pode ainda visualizar dois apps na mesma tela ou ver uma app “em cima” do outro.

Files é uma aplicação nova para gerir os arquivos e tem integração com vários serviços de nuvem (iCloud, Google Drive, Box, entre outros). Há ainda uma nova função de drag and drop transversal a todas os apps, que permite anexar mais facilmente imagens, links ou mesmo texto a e-mails.

Também o Apple Pencil ficou mais integrado. Agora pode se fazer inline drawing, isto é, desenhar entre conteúdos editáveis.

O Siri também traz novidades, desta vez tanto para o iPad e para o iPhone. Novas vozes (mais naturais), traduções de inglês para francês, espanhol, chinês, alemão ou italiano, e inteligência artificial são as melhorias desta versão.

 A câmera vai passar a suportar o formato H.265, uma evolução do H.264, o que vai permitir melhor qualidade de imagem em imagens mais pequenas. Durante a conferência, a Apple falou das Live Photos e anunciou três efeitos que vão tornar as fotos mais interessantes: um deles permite criar vídeos em loop – GIFs); outro segue a mesma lógica mas a repetição acontece de trás para a frente (fixe para mostrar alguém a saltar para uma piscina e depois a voltar da piscina para a plataforma); o terceiro simula um efeito de longa exposição, combinado um movimento numa só imagem.

Mas a Apple também decidiu atualizar outros apps para competirem melhor no mercado. O Maps continua a aprender novas funcionalidades que o Google Maps já tem; desta vez, foram os mapas interiores de centros comerciais e aeroportos

Já o Apple Music vai permitir saber o que os teus amigos andam ouvindo.

A Apple ainda anunciou novas ferramentas para os programadores poderem aproveitar a tecnologia de realidade aumentada (AR). A AR foi demonstrada em jogos, sobretudo.

O novo iOS 11 vai estar disponível no Outono para iPhone 5S ou mais recente, todos os modelos iPad Air e iPad Pro, 5.ª geração do iPad, iPad Mini 2 ou mais recente e 6ª geração do iPod Touch.

De fora, ficam o iPhone 5, iPhone 5C e o iPad 4, os únicos três equipamentos que ainda suportavam a arquitectura 32-bit. O iOS 11 é o primeiro sistema operativo a suportar unicamente 64-bit.

DOIS NOVOS IPAD PRO

As novidades nos dispositivos móveis não ficaram somente no IOS (Sistema Operacional). A Apple também anunciou um novo iPad Pro com 10,5 polegadas e uma nova versão do iPad Pro de 12,9 polegadas.

Os novos tablets trazem uma melhoria chamada ProMotion. Essencialmente, o refresh (a quantidade de vezes, num segundo, que a imagem é recarregada) passou de 60 Hz a 120 Hz. A ProMotion melhora toda a experiência no iPad Pro, desde fazer scroll a uma integração mais realista do Apple Pencil.

O NOVO MAC OS CHAMA-SE… HIGH SIERRA

A nova versão do antigo OS X também traz algumas novidades, embora a um nível mais profundo. O High Sierra melhora a tecnologia presente no já disponível macOS Sierra e acrescenta capacidades de realidade virtual.

O Safari foi uma das aplicações mais mencionadas. De acordo com a apresentação, vai ser o browser mais rápido, especialmente no desempenho relativo a JavaScript. O browser da Apple vai ainda bloquear vídeos que reproduzam automaticamente.

O Mail vai usar menos espaço e o Apple Photos vai permitir integração de apps de terceiros na impressão de photo books. O Photos ainda vai usar a inteligência artificial para reconhecer melhor caras e catalogar de forma mais eficaz.

O HOMEPOD

Depois de revolucionar a forma como se ouve música on the go, a Apple propõe-se a fazer o mesmo no lar dos consumidores. O HomePod é uma caixa de som inteligente com assistente pessoal.

O HomePod utiliza inteligência artificial para conhecer a divisão de som onde se encontra e adapta a projeção do som da melhor forma possível.  Tal como as restantes caixas de som inteligentes, o HomePod também executa algumas tarefas como responder a mensagens ou até interagir com outros elementos da casa (desligar/ligar luzes, por exemplo).

OUTRO ATUALIZAÇÕES: TVOS E WATCHOS

Já sobre o watchOS, do Apple Watch, há mais algumas novidades. A aplicação de exercício também sofreu alterações, sendo que agora vai suportar mais exercícios e melhorar o “treinamento” virtual.

O Apple Watch ainda vai ter uma aplicação de música ligada ao serviço Apple Music. A experiência com AirPods também foi melhorada. Além disso, há novas interfaces e watchfaces em todo o sistema do watchOS.

Esqueci de algum aparelho ou tecnologia ou mesmo você quer dar sugestões sobre o artigo, escreva em nossos comentários!

Ate a próxima pessoal!

DEIXE UMA RESPOSTA